Notícias

22 de agosto de 2019 às 09:18

Departamento de Saúde de São João descarta epidemia de sarampo na cidade


Crédito:Reprodução/Prefeitura

A Vigilância Epidemiológica de São João da Boa Vista confirmou o primeiro caso de sarampo na cidade. O homem, de São Paulo, veio a São João visitar os pais, mas já retornou a capital paulista.

Até o momento, são 5 casos suspeitos de sarampo em 2019, sendo dois autóctones e três importados (São Paulo, Mococa e São Sebastião da Grama). 

Os casos suspeitos registrados no município, que aguardam resultado, são de duas crianças do sexo masculino: uma de cinco meses e outra de 1 ano e 10 meses. 

Os dois casos suspeitos de São João são da área de abrangência da Unidade de Saúde do Jardim das Azaleias, onde o Departamento de Saúde realizou ações de bloqueio e vacinação.  

Ao Jornal da 92, a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Ludimila Barros Zan, informou que a vacina tríplice viral - que combate sarampo, caxumba e rubéola - está disponível em todas as 13 unidades de Saúde, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, a pessoas de 1 a 29 anos (2 doses) e adultos de 29 a 59 anos (1 dose).

O último caso de sarampo registrado na cidade ocorreu em 1990.


Fonte: CLIENT

comentários

Estúdio Ao Vivo